Juiz desbloqueia bens de Eike e de sua família

Eike-BatistaO juiz Vitor Valpuesta, da 3ª Vara Federal Criminal do Rio, determinou o desbloqueio de todos os bens e ativos de Eike Batista. No entanto, manteve o bloqueio de R$ 162,6 milhões do empresário. Os bens e ativos de sua esposa Flavia Sampaio, dos filhos Olin e Thor Batista, e da ex-mulher Luma de Oliveira, também foram desbloqueados.

De acordo com o portal G1, serão devolvidos os seis carros, um piano, 16 relógios, dois motores para lancha, um computador, um escultura, R$ 90 mil em dinheiro, R$ 37 mil em outras moedas, e alguns outros objetos apreendidos pela Polícia Federal.

“Agora o processo deverá voltar ao andamento normal sob o comando de um juiz imparcial”, disse Raphael Matos, que compõe a defesa de Eike Batista ao lado do também advogado Ary Bergher.

O juiz Vitor Valpuesta assumiu o lugar de Flávio Roberto de Souza, afastado do caso depois de ter dirigido um dos automóveis apreendidos durante a operação. Vale lembrar que no prédio de Flávio, localizado na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, foi encontrado um carro e um piano, ambos que foram apreendidos de Eike Batista.

“Amigo do Eike” explica pedido de US$ 1 milhão e apoia o #EikeTudoPeloBrasil

11148699_856232724448389_90955852174885771_nEm 2011, após ouvir Eike Batista dizer numa entrevista que havia perdido muito dinheiro, o artista plástico Artur Moreira, hoje com 38 anos, teve uma ideia: pedir um milhão de dólares ao empresário. A intenção era fazer com que Eike provasse para todos que, mesmo com a virada na bolsa de valores, ainda tinha muito dinheiro para seus investimentos. Artur nunca colocou as mãos no dinheiro, muito menos conseguiu contato com Eike, mas virou celebridade na internet com o personagem “Amigo do Eike”, que atualmente, pouco mais de três anos depois, passou a ser chamado de “Amiguinho Pop” e tem mais de 700 mil fãs no Facebook e 120 mil seguidores no Instagram.

“Eu e um amigo tivemos a ideia de gravar um vídeo de ‘apoio ao Eike’, quando ele estava sofrendo algumas críticas. Surgiu mais como uma brincadeira, mas essa brincadeira acabou sendo tão bem aceita, por tanta gente, que resolvi levar adiante”, disse. Perguntado se já foi chamado de louco, o artista plástico explicou: “No começo, sim. Depois começaram a curtir o personagem. Conseguiram ver a leveza e a mensagem legal que ele passa. O amigo do Eike tem ‘bom coração’ e, de alguma maneira, conseguiu passar isso para as pessoas”.

 

 

Uma das características do “Amigo do Eike” é a sua barba grande. Na internet pessoas especulam que trata-se de uma promessa, mas Artur Moreira, que atualmente está com a “cara limpa”, garante que não foi nada muito pensado. Ele recebeu propostas para fazer a barba e assim ganhar um bom dinheiro, mas não aceitou porque seria injusto com o personagem.

“Como muitas outras coisas que o Amigo do Eike faz, essa também foi intuitiva. Nada muito pensado. Costumo dizer que precisamos sempre ‘seguir o coração’. Foi o que fiz. Tive, inclusive, algumas propostas para tirar a barba. Ofereceram um bom dinheiro. Mas não seria justo com o personagem. Seria como, por exemplo, a Mônica colocar aparelho ou o Cebolinha se consultar com um fonoaudiólogo”, brincou.

Artur Moreira nasceu em Governador Valadares e foi criado em Nova Era, ambas em Minas Gerais e com ligações diretas a Eike Batista. A primeira, por exemplo, é a mesma em que o empresário nasceu, enquanto que a segunda é a terra de seu pai, Eliezer Batista. Apesar das coincidências, Artur diz que nunca encontrou Eike, e que esse sonho segue sendo percorrido.

“Nunca falei com o Eike, mas gostaria, afinal de contas sou “Amigo do Eike” (risos). Ele é um exemplo como empreendedor e tenho certeza que seria um momento especial para mim”. Perguntamos então se ainda pediria um milhão de dólares ao empresário, e com bom humor Artur respondeu: “Nunca cometeria a indelicadeza de pedir um milhão de dólares ao Eike. Se ele, por algum motivo, precisar dar um milhão para alguém… aí, como eu disse no vídeo, estaria a disposição. Afinal de contas, ‘amigo é pra essas coisas'”, disse, sorridente, ao lembrar do bordão utilizado em seus vídeos.


 

Críticas:

“Louco” e “maluco beleza” são críticas que de certa forma são aceitas por Artur. No entanto, existem os que acusam o artista plástico de usar a imagem de Eike Batista para ficar famoso, e isso sim incomoda o artista plástico.

“Famoso? Não é o meu negócio. Sou designer de móveis. Criei um conceito de ‘esculturas funcionais’. A fama como ‘Amigo do Eike’ não me ajuda nesse tipo de trabalho. Nunca usei o personagem para promover meus negócios. São coisas completamente diferentes. Sou o Arthur Moreira, e existe, através de mim, o personagem ‘Amigo do Eike’, que faz as pessoas sorrirem. Isso, de passar a felicidade de alguma maneira, me faz bem. É por isso que dediquei e ainda dedico meu tempo a isso”, explicou.


Campanhas sociais e admiração por Eike Batista:

Quando pediu um milhão de dólares a Eike Batista, Artur Moreira foi claro quanto ao que faria com o dinheiro: ajudar pessoas. E esse lado social, de ajuda humanitária, o artista plástico já possui. Em seu site, por exemplo, é possível ver que foi voluntário na ajuda às vítimas do Furacão Sandy, além de ter vendido camisetas e doado a receita em prol da recuperação do Haiti.

“Já doei peças para leilões beneficentes, me envolvi na divulgação de algumas campanhas. Faço o que posso para tentar, de alguma maneira, melhorar um pouco o mundo” disse.

Quanto a admiração por Eike Batista, Artur diz que ela se dá principalmente porque o empresário mescla duas qualidades importantes.

“Eike é um sonhador, um realizador. Isso é maravilhoso. Existem muitos sonhadores e muitos realizadores. São pouquíssimas as pessoas que conseguem juntar essas duas características. Ele consegue. Isso é uma das coisas que eu admiro no Eike. Se falhou em determinado momento? Não sei. Não julgo as pessoas. Ele, menos ainda, porque não podemos esquecer que sou ‘Amigo do Eike’, finalizou, sempre com muito bom humor.

Eike Batista explica o famoso modelo “Visão 360°”

visao360A maioria das pessoas tem ídolos no esporte, na música, na televisão… E sim, também nos negócios. O jovem João Pedro é um exemplo disso. Aos 17 anos de idade, o morador do Rio de Janeiro quer ser um dia como Eike Batista, mas tem uma dúvida: não sabe como dar o primeiro passo.

João Pedro nos mandou o seguinte: “Tenho 17 anos e quero um dia ser igual a você. Diga-me o que devo fazer para começar?”

Mandamos a pergunta para o próprio Eike Batista respoder, e adivinhem: ele respondeu!

“Eu tenho um modelo de executar e pensar que se chama ‘Visão 360°’, e se você olhar as diferentes disciplinas desse modelo vai ver que todas elas conversam”, disse Eike no início de sua resposta.

Confira a resposta de Eike Batista:

E aí, curtiram a resposta de Eike Batista? Quer saber mais sobre a Visão 360°? Encontramos uma explicação bem detalhada sobre o modelo mencionado pelo empresário, e a explicação é do próprio Eike. Não deixe de conferir!

Espontânea, Narcisa fala sobre Eike: “ai, que tudo!”

Orfanato "Lar de Narcisa"
Orfanato “Lar de Narcisa”

“Ai, que loucura”, “ai, que absurdo”, “ai, que badalo”… Quem é que nunca caiu na gargalhada com algum dos muitos bordões espontâneos de Narcisa Tamborindeguy? Ela, que é jornalista, advogada e escritora, conhece Eike Batista há muitos anos, e inclusive já brincou com o nome do empresário ao transformá-lo em um de seus famosos bordões: “ai, que Batista”. Em entrevista ao #EikeTudoPeloBrasil, Narcisa contou um pouco sobre a relação com Eike, e disse confiar em uma volta por cima do amigo.

“Conheço o Eike há algum tempo e me sinto a vontade com ele para fazer esta brincadeira. Adoro! Ai, que tudo! Sou assim mesmo, bem espontânea”, explicou.

Perguntamos para Narcisa Tamborindeguy se ela, que conhece Eike Batista há um tempo, confia numa reviravolta do empresário, já que o mesmo admitiu algumas falhas de percurso e soltou “I’ll be back” em entrevista ao jornal Valor Econômico.

“Sinto uma conexão bem positiva entre a gente. Acho o Eike uma das pessoas mais empreendedoras que conheci. Seu restaurante, o Mr. Lam, é o meu chinês favorito aqui no Rio. Acho que todas as fases turbulentas passam e a gente sai mais fortalecida dessas crises. Ele vai voltar e dar a volta por cima”, disse.

Além da amizade, Narcisa e Eike possuem algo a mais em comum: ambos não medem esforços para ajudar ao próximo. Enquanto Eike Batista já realizou projetos voltados para esporte, saúde, cultura, realocação de famílias, etc., Narcisa Tamborindeguy não fica para trás e possui, inclusive, uma obra que leva o seu nome, o “Lar de Narcisa”. Perguntamos à ela se tais atitudes deveriam ser seguidas por mais pessoas.

“Claro que sim, e dependendo das condições financeiras de cada pessoa a contribuição teria que ser maior. Sinto uma felicidade imensa em poder dar essa pequena ajuda, pois vejo como isso faz as pessoas felizes”.

Leitor pergunta porquê Eike não deixa o Brasil

eiketudo-video-2

Eike Batista é filho de uma alemã, estudou e deu início a sua vida profissional no exterior, mas mesmo assim o seu coração é verde e amarelo. Perguntado por Ruth Almeida, de Viçosa (MG), sobre o porquê de não dar continuidade aos seus empreendimentos fora do país, o empresário respondeu que é um “soldado brasileiro” e que por isso possui deveres que precisam ser cumpridos no Brasil.

“Meu dever como patriota, um soldado brasileiro, é de melhorar o Brasil, fazer as coisas aqui funcionarem melhor. Se todos os bons brasileiros que sabem fazer alguma coisa, sabem empreender projetos grandes, saírem… O que vai acontecer com o Brasil?”, disse o empresário.

Quer ver a resposta completa de Eike Batista? Confira o vídeo abaixo!

Amanhã, sexta-feira, publicaremos o terceiro e último vídeo da série de respostas gravadas com Eike Batista. As perguntas feitas ao empresário foram enviadas pelos próprios leitores do #EikeTudoPeloBrasil, e selecionadas pela nossa equipe.

Eike Batista ressalta a importância de falar bem

vox2u
Luís Fernando Câmara – Vox2You

Nesta semana, Eike Batista concedeu entrevista não só ao #EikeTudoPeloBrasil, mas também ao empresário Luís Fernando Câmara, da escola de oratória Vox2You. As perguntas foram feitas a partir do tema “A arte de falar bem”, que é o que a escola dedica-se a ensinar. Confira a entrevista na íntegra:
Qual foi a importância da oratória em sua carreira?

Eike Batista: Sem uma excelente oratória não se venda nada, no meu caso ninguém no mundo conseguiu levantar mais dinheiro para conceber projetos transformacionais, a oratória foi o motor desse feito!
Você acredita que através da oratória profissionais que lideram pessoas podem se sobressair no mercado de trabalho?

Eike Batista: Acredito que é necessário saber conversar com pessoas, motivar equipes com uma certa dureza “pero con ternura”, a psicologia da oratória é fundamental!
Pesquisas apontam que 63% das pessoas tem menos medo de morrer do que medo de falar em público, sendo assim, analisamos que muitas pessoas perdem oportunidades devido a esse medo. Qualquer indivíduo pode superar essa “fobia”?

Eike Batista: Qualquer indivíduo, é obvio que com graus de dificuldades diferentes, mas qualquer pessoa pode! Basta querer. No meu caso talvez foi a habilidade mais importante na minha capacidade de levantar fundos, dinheiro!
Como você adquiriu habilidade para impactar, persuadir e encantar pessoas?

Eike Batista: Adquiri essa capacidade quando jovem, porque tive e vivi o “estresse” de não ter dinheiro o suficiente para me sustentar só com a mesada de casa, dos meus pais, por ter 6 irmãos e viver sozinho na Alemanha para estudar, sempre tive vergonha de pedir mais dinheiro, e isso me empurrou para luta, onde fui vender seguros de porta-em-porta.
Eike, na minha opinião você é o maior soldado brasileiro, um dos empreendedores mais geniais que tive o privilégio de conhecer, obrigado pelo tempo dedicado a essa entrevista, alguma consideração final para os amigos e clientes da Vox2you?

Eike Batista: Nunca parem de sonhar! Já fui e estive varias vezes no ” Olympo dos grandes empreendedores”, subi e caí, subi e caí, mas estou pronto para minha nova jornada!

Eike Batista responde se possui empreendimento favorito

eike-post1Eike Batista é um dos maiores empresários do mundo, e ao longo de tantos anos empreendendo, uma dúvida paira no ar: será que ele possui algum empreendimento favorito?

Antes da resposta, vale dizer que todos os dias o #EikeTudoPeloBrasil recebe dezenas de mensagens através do Facebook e também aqui pelo site, e a maioria delas são de empreendedores ou de pessoas que pretendem empreender no futuro. Infelizmente não temos como responder todas as perguntas que chegam, mas é nosso compromisso tentar enviar todas para o próprio Eike Batista.

Nesta semana, aproveitando um rápido encontro com Eike para que o mesmo autografasse camisetas (leia sobre a novidade aqui), pedimos para que ele respondesse rapidamente três perguntas de leitores do #EikeTudoPeloBrasil. Ouvimos um “vocês que mandam” da boca do próprio Eike Batista, e a sensação foi um misto de felicidade com cair para trás.

Bom, sem mais delongas, vamos ao que interessa: a primeira pergunta que fizemos ao empresário. Ela foi enviada por Edgard dos Santos, de Vitória, Espírito Santo.

“Eu não tenho um filho preferido, mas tenho um carro preferido. Perguntem ao Eike se ele tem algum empreendimento preferido e qual seria o motivo”. Confira a resposta abaixo:

 

 

Fiquem ligados porque quinta e sexta-feira publicaremos as outras perguntas que os leitores fizeram ao Eike Batista.

Eike grava respostas para dúvidas dos leitores

eike-batista

Na última segunda-feira, além de assinar camisetas do #EikeTudoPeloBrasil, Eike Batista também gravou três vídeos aqui para o site do movimento. As imagens irão para o ar ainda nesta semana, precisamente amanhã, quinta e sexta-feira, e mostram o empresário respondendo algumas dúvidas que chegaram no contato@eiketudopelobrasil.com.br. Fiquem ligados!

Eike assina camisetas do #EikeTudoPeloBrasil

assinatura-camiseta-twitterHá algum tempo, quando Eike Batista vestiu a camiseta do #EikeTudoPeloBrasil, centenas de pessoas passaram a nos pedir exemplares do modelo. Infelizmente não foi possível confeccionar camisetas para todo mundo, mas conseguimos algo bem legal: autógrados do próprio Eike Batista.

Nesta segunda-feira, como o próprio Eike publicou em seu Twitter, algumas camisas foram autografadas e serão sorteadas em nosso Instagram (@eiketudopelobrasil).

Por enquanto a novidade é essa. Postaremos aqui nos próximos dias as regras do sorteio, assim vocês saberão certinho todo o procedimento para participar e receber em casa a camiseta.